Ação "Alerta Vermelho" inicia nesta quinta-feira, dia 30 de maio e vai focar em comércios das avenidas Amazonas, Afonso Pena, Cristiano Machado, Antônio Carlos e proximidades

A ação tem caráter educativo e as equipes de vistoriadores percorrerão o comércio para orientar os proprietários sobre as medidas preventivas que seu estabelecimento devem ter e se estão em conformidade. Pedimos que você e sua equipe se preparem para receber as equipes do Corpo de Bombeiros com cordialidade e atenção para as orientações que serão passadas.

Militares do Corpo de Bombeiros prometem vistoriar, nesta quinta-feira, 500 estabelecimentos comerciais do Hipercentro de Belo Horizonte para conferir medidas de segurança adotadas pelas lojas para evitar incêndios. A fiscalização vai buscar uma orientação sobre a obtenção do Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB).

Entre as questões verificadas estarão extintores, hidrantes, alarmes e outros sistemas de detecção que possam auxiliar no combate às chamas em caso de fogo no estabelecimento. Segundo os bombeiros, cerca de 200 militares participarão da operação, que vai de 8h30 até 12h e vai focar nos comércios das avenidas Amazonas e Afonso Pena.

O trabalho foi batizado de Operação Alerta Vermelho e nessa primeira fase terá um caráter educativo. Na Avenida Afonso Pena as vistorias vão acontecer entre a Rua dos Caetés e a Avenida Getúlio Vargas. Na Amazonas, o trabalho vai cobrir a área entre a Rua da Bahia e a Rua Curitiba.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, a corporação faz 40 mil vistorias de segurança contra incêndio e pânico todos os anos em Minas Gerais, sendo 5 mil em Belo Horizonte.

Fonte: Portal Uai e Abrasel